Jovens africanos confrontam os estereótipos nas imagens


A Mostra de Cinemas Africanos, que acontece até 22/3 na SPCine Play, exibe 21 títulos contemporâneos (7 documentários em longa-metragem e 14 curtas de ficção), todos legendados em português.

Todos os filmes estreiam às 19h e cada filme fica disponível por 72h.

Confira a programação do final de semana:

PARE DE NOS FILMAR

Um grupo crescente de jovens em Goma, na República Democrática do Congo, está resistindo aos relatos sobre sua cidade que apenas mostram imagens estereotipadas de guerra, violência, doenças e miséria, resultado de anos de dominação ocidental.


Diretor: Joris Postema

Países Baixos/República Democrática do Congo, 2020, 95 min, Livre

(disponível até 15/3, às 18h59)


ONDE VER: SPCine Play


 

Programa de curtas 1

UM CEMITÉRIO DE POMBOS (Sultan Sangodoyin, Nigéria, 2018, 15 min)

Um adolescente que está descobrindo a sexualidade ousa fazer confidências para alguém em quem confia numa sociedade onde é melhor manter segredos.


INVISÍVEIS (Joel Haikali. Namíbia, 2019, 17 min)

Dois indivíduos que se encontram em uma fase ruim de suas vidas decidem partir em uma jornada de amor próprio e liberdade pelo majestoso interior da Namíbia.


A LUTADORA DE BOXE (Iman Dijonne, Senegal, 2016, 26 min, 2016)

Adama, uma entediada cabeleireira de 17 anos, encontra um par de luvas de boxe e, ao calçá-las, tem de enfrentar seus demônios em uma luta.


TREINO PERIFÉRICO (Welket Bungué, Portugal/Guiné Bissau, 2020, 20 min)

Dois artistas não encontram lugar nos padrões do seu bairro, nem da cultura imposta.


BABLINGA (Fabien Dao, Burkina Faso, 2019, 14 min)

Moktar sempre disse que quando conseguisse fechar seu bar Bablinga ele voltaria para Burkina. Esse dia chegou, mas ele não está pronto para partir.

ONDE VER: SPCine Play

(disponíveis de 13/3, às 19h, até 16/3, às 18h59)

 

SOFTIE


O documentário acompanha a trajetória do ativista Boniface Mwangi, homem irreverente e audacioso reconhecido como o mais provocativo fotojornalista queniano.

Direção: Sam Soko

Quênia, 2020, 96 min, 12 anos)

ONDE VER: SPCine Play

(disponível de 14/3, às 19h, até 17/3, às 18h59)